Dicas de Saúde

Assine as nossas
Dicas de Saúde e Beleza!

Veja outros Posts

Como tratar a foliculite

Como tratar a foliculite

 Já notou algumas bolinhas que surgem na pele após se depilar ou se barbear? Se sim, é provável que você sofra com a foliculite. É uma inflamação muito comum que se inicia nos folículos pilosos. Ela pode ser causada por vírus, fungos ou mais comumente por bactérias. As regiões do corpo mais afetadas pela foliculite são virilha, nádegas e pernas no caso das mulheres. Nos homens, a inflamação se manifesta na região do rosto, pescoço e nuca. Além do incômodo estético, dependendo do tipo e da gravidade do problema, pode haver muita coceira, vermelhidão e inchaço nas áreas inflamadas.

Quais os tipos de foliculite

A foliculite pode ser superficial ou profunda. A profunda causa complicações maiores, as lesões podem deixar manchas e cicatrizes na pele. Normalmente se desenvolve em pessoas com doenças pré-instaladas que comprometem o sistema imunológico ou que fazem o uso de antibióticos por tempo prolongado. Já na superficial, a inflamação se mantém na parte externa no folículo. A região fica sensível, avermelhada e pode haver a formação de pus no centro das lesões, normalmente bem pequenas. Esse tipo de foliculite é mais comum e pode se apresentar de 4 formas diferentes:

  • Foliculite causada por fungos (pitirospórica): Causada por um fungo que se instala em áreas úmidas do corpo. Se manifesta mais comumente nas costas, peitos e braços masculinos.

  • Foliculite de banheira: Causada por uma bactéria que habita banheiras e piscinas aquecidas nas quais o ph e o nível de cloro da água estão desregulados. Causa pequenas lesões com pus e diferentes regiões do corpo.

  • Foliculite estafilocócica:  Causada pela bacteria Staphylococcus aureus. Se manifesta em pequenos carocinhos com um ponto esbranquiçado que coçam bastante.

  • Pseudofoliculite de barba: Causada por pelos encravados. Muito comum em pessoas que se depilam ou barbeiam com frequência.   

Quais os tratamentos e prevenção da foliculite?

tratamento da foliculite

Em casos mais avançados da doença é indispensável a consulta com um dermatologista. Somente o profissional saberá indicar o melhor tratamento. Em casos leves, algumas medidas podem ser tomadas pela própria pessoa para evitar que a inflamação não se desenvolva:

  • Evitar usar roupas muito justas com frequência

  • Utilizar sabonete neutro ou anti séptico após banhos de banheira, piscina e também após a depilação

  • Hidratar bem a pele

  • Colocar uma compressa morna na região para diminuir o incomodo

  • Não coçar ou espremer as lesões

  • Evitar usar produtos que podem obstruir os folículos

  • Utilizar produtos anti inflamatórios nas lesões

  • Quando utilizar lâminas para se depilar ou barbear, faça no sentido do crescimento dos pêlos.

 

Foliculite Barba

Por que os pêlos encravam?

A depilação frequente com lâmina ou cera deixa o folículo piloso enfraquecido, quando o pelo volta a crescer sem força suficiente para romper a pele ele acaba encravando, gerando uma reação inflamatória.  A foliculite por pelos encravados é a mais comum entre as formas superficiais da doença. Qualquer pessoa pode desenvolvê-la em qualquer momento da vida, mas existem alguns fatores de risco. O uso de roupas muito justas podem reter calor e umidade, facilitando o desenvolvimento de bactérias e fungos, complicando ainda mais a inflamação.

Como evitar que os pelos encravem após depilar ou barbear?

Barbear Lamina Foliculite

     Pelos encravados são mais comuns em regiões onde o pelo é mais grosso e resistente, como a barba e virilha, ou em regiões com mais fechadas, como pernas e axilas. Eles também podem causar manchas escuras nessas regiões. Já falamos aqui no blog sobre como clarear axilas e virilha. Mas se você não abre mão se remover os pelinnhos sempre, veja alguns cuidados que você pode ter antes e depois de se depilar para que não desenvolva pelos encravados:

Antes de se depilar:

  • Use sempre lâminas novas: se você prefere a praticidade das lâminas descartáveis, lembre-se que elas são descartáveis por alguns motivos que não devem ser ignorados. Primeiro, as lâminas eventualmente perdem o corte, fazendo com que a depilação não seja tão eficaz. Segundo, uma lâmina que já foi utilizada muitas vezes acumula bactérias e podem facilitar ainda mais o surgimento da foliculite .

  • Utilize água morna e produtos que diminuem o atrito da lâmina com a pele: A água morna ajuda a dilatar os poros e facilita a remoção do pelo.

  • Mantenha boa higiene do local depilado: Utilize sabonetes anti-sépticos e hidratantes.

Depois de se depilar:

  • Leve a região com água fria: Após remover os pelos os poros ainda estarão abertos deixando a pele exposta a microorganismos prejudiciais. Ao higienizar a pele com água fria os poros se fecham.

  • Prefira tecidos de fibras naturais, como o algodão: Após a depilação a pele fica mais sensível e propensa a devolver infecções por fungos e bactérias. Tecidos sintéticos impedem a pele de respirar, tornando o ambiente úmido e quente, bem do jeito que esses microorganismos gostam.


Como a depilação a laser pode ajudar a evitar a foliculite?

Se você já conhece a depilação a laser, sabe que ela é um método de remoção definitiva e progressiva dos pelos. Sendo assim, uma vez iniciado o procedimento, o crescimento dos pelos irá diminuir a cada sessão, até que seja reduzido a zero. Não tendo que ser depilar com frequência, é certo que os pelos encravados também não surgirão mais, assim como a foliculite. Além disso, o laser de depilação tem a função de destruir os folículos pilosos para que o pelo não volte a crescer. Sem folículo, não há onde a foliculite se instalar, não é verdade?

Por isso a depilação a laser é o método de depilação mais recomendado para quem sofre com pelos encravados e foliculite. Isso também vale para os homens que se barbeiam com frequência, já listamos aqui alguns motivos para se barbear a laser. Uma outra vantagem do laser, é que ele dói bem menos que a depilação com cera e não escurece a região depilada.

Se você se interessou pela depilação a laser não deixe de fazer sua avaliação gratuita na Clin e conhecer melhor o método!

Solicite sua avaliação estética gratuita 

         

        

        

 

Deixe seu Comentário

Confira nossos tratamentos

Fique por dentro de nossos tratamentos de Emagrecimento, Estética Corporal, Estética Facial e Depilação a Laser! 

Tecnologia de Ponta

Conheça todas as nossas tecnologias!

Você também pode se interessar

Avaliação gratuita

Avaliação gratuita